O curso

A geofísica na UnB teve início nos anos 60, quando a UNESCO recomendou a instalação, na América do Sul, de um arranjo sismográfico de alta sensibilidade para monitorar os terremotos da região andina, o que resultou na criação do grupo de Sismologia do Instituto de Geociências (IG).  Na década de 80, com a ampliação da rede sismológica nacional, foi criado o Observatório Sismológico do Instituto de Geociências, que atualmente funciona em prédio próprio e, além das atribuições acadêmicas, atende à comunidade nacional e internacional. A Geofísica Aplicada começou as suas atividade na década de 80 e na década de 90, foi criado o Laboratório de Geofísica Aplicada, com o objetivo de consolidar a aplicação de geofísica na área de prospecção mineral. 

Contando com quadro efetivo de 25 professores, sete dos quais atuavam em diversas áreas da Geofísica, o IG criou o curso em 2008, com início das atividades em 2009, com o objetivo de formar bacharéis em Geofísica aptos a atender a diversos campos de atividade profissional, incluindo Geofísica aplicada ao mapeamento geológico e à exploração mineral, petróleo e gás, água subterrânea, Engenharia Geotécnica, monitoramento do meio ambiente, estudos de rios, lagos e ambientes marinhos costeiros e sismologia básica. 

Atualmente o Instituto de Geociências possui 49 docentes, vários deles com atuação em Geofísica. Em sua primeira avaliação pelo MEC, o curso recebeu conceito Muito Bom (4). Os onze primeiros egressos já foram inseridos com sucesso no mercado de trabalho ou na pós-graduação.

 

Fluxograma

 

Perfil do Egresso

A formação do geofísico tem característica multidisciplinar, com a base principal nas áreas de Física, Matemática, Geologia e Processamento de Dados. A formação dá ênfase às atividades relacionadas à Geofísica aplicada.  No segmento de Geofísica básica, o foco está na Sismologia e suas aplicações. Para formar profissionais voltados à carreira científica  e ao mercado de trabalho no país e no exterior, o curso capacita os estudantes em sete campos de atividade profissional:

• Geofísica aplicada ao mapeamento geológico e à exploração mineral;

• Geofísica aplicada à exploração de petróleo;

• Geofísica aplicada ao estudo de água subterrânea;

• Geofísica aplicada à Engenharia Geotécnica;

• Geofísica aplicada ao monitoramento do meio ambiente;

• Geofísica aplicada ao estudo de rios, lagos e ambiente marinho costeiro e

• Sismologia básica e aplicações

 

Laboratório

Os estudantes do Curso de Geofísica têm acesso a laboratórios modernos e bem equipados,  onde têm a oportunidade de estudar e desenvolver atividades de pesquisa nas áreas de Sismologia, Geofísica Global e Geofísica Aplicada. Computadores com diversos pacotes de processamento e interpretação de dados geofísicos são usados para aula e pesquisa. 





 

Campo

Os estudantes participam desde o primeiro semestre de disciplinas com conteúdo prático em geofísica. O IG possui moderno acervo de equipamentos de aquisição de dados geofísicos, utilizados em aulas práticas e em  atividades de campo.

 

Coordenadora do Curso: Adriana Chatack Carmelo

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.